grupo-terapetico-com-ovo-de-obsidiana

Uma vivência terapêutica de três meses em grupo fechado baseada na metodologia desenvolvida por Ana Silvia Serrano, México.

No primeiro encontro são dadas orientações a respeito d o processo terapêutico, propriedades e qualidades da obsidiana, como ela atua no corpo físico e energético, como preparar, limpar e usar seu ovo de obsidiana.

Ao longo dos três meses do ciclo, fazemos encontros mensais online na plataforma Zoom.

Esses encontros mensais têm momento de partilha e de instrução a respeito de aspectos relevantes no processo terapêutico.

  • A sombra manifesta nos quatro corpos
  • Os arquétipos femininos
  • Obsidiana e os centros de energia
  • O poder dos sonhos durante o processo
  • Metafísica das manifestações de desequilíbrio na saúde da mulher
  • Como fazer e usar o cinturão lunar de proteção
  • Chás de ervas, tintura e garrafada para auxiliar na cura
  • Banhos de ervas para limpeza e proteção

Pré-requisitos:

– Você deve estar disposta a mergulhar profundamente nos mistérios de si mesma

– Ter coragem e confiança na integração das partes, na cura e na plena manifestação de sua essência e expressão de seus talentos e potenciais

– Comprometer-se a cumprir o ciclo.

A obsidiana é um vidro de origem magmática que emerge do fogo interior dos vulcões.

A obsidiana é uma pedra de liberação de energias cristalizadas que traz à luz da consciência aspectos obscuros de nossa alma. Por sua característica energética é capaz de transmutar energias de baixa densidade e acessar níveis altos de sabedoria interna, fortalece o sistema imunológico, equilibra as qualidades frio e quente no organismo sendo um poderoso instrumento de cura e revitalização dos sistemas. Para trabalhar com a obsidiana, há que ter um propósito claro e seguir o tempo de tratamento para que essa liberação não resulte em dispersão e confusão e sim em cura e fortalecimento pessoal.

Conduzido por Adriana Ocelot.

“Conheci o ovo de obsidiana e esse método terapêutico em 2005 quando fui morar no México. Desde então, venho fazendo uso e instruindo e acompanhando mulheres em seus processos terapêuticos. Vejo que recentemente está sendo difundido no Brasil o Yoni eggs. Mas, a obsidiana não deve ser usada sem a prudência de um método terapêutico seguro. Por isso, decidi compartilhar esse conhecimento.”

Gestora do Ciclo de Medicinas da Terra para mulheres, guardiã do Templo de Lua, estudiosa das propriedades curativas das plantas medicinais e praticante das terapias e cerimônias nativas, seguidora do caminho vermelho, temazkalera, dançante do Sol em Crow Dog´s Paradise – Rosebud reservation, SD, EUA, em Tamoanchan, Nayarit, México e Guasca, Colômbia, dançante da Lua em Ollitlahuimetztli, Teotihuacan, México, dirigente da Busca de Visão no Brasil em aliança com a  Dança do Sol em Guasca,  Colômbia sob chefia do abuelo Alfonso Castillo ambas na linhagem lakota,  dirigente da Dança da Lua no Brasil na linhagem de abuela Malinalli, membro do grupo Guardiões Huni Kuin, pelos saberes e medicinas da floresta, sigo dedicando-me ao fortalecimento e à difusão dos saberes ancestrais dos povos nativos das Américas.